UPA-GV será inaugurada e Samaritano poderá contar com serviço de alta complexidade cardiovascular pelo SUS

O deputado federal Leonardo Quintão solicitou ao Ministro da Saúde, Arthur Chioro, que seja favorável ao pedido de habilitação do Hospital Bom Samaritano de Governador Valadares como serviço de Assistência de Alta Complexidade em Cirurgia Cardiovascular pelo SUS. O ofício foi protocolado ontem no gabinete do ministro em Brasília.

A expectativa do deputado é que este novo serviço de alta complexidade a ser oferecido pelo hospital pelo SUS seja anunciado durante a solenidade de inauguração da Unidade de Pronto Atendimento – UPA GV -, que será realizada no dia 1° de junho deste ano. “O hospital Samaritano já oferece esse atendimento de alta complexidade em cirurgia cardíaca, porém, essa habilitação irá garantir que o atendimento seja agora prestado pelo SUS”. “Também importante destacar que o hospital Samaritano já possui mais de cinco serviços de alta complexidade em convênio com o SUS, e que investiu cerca de R$ 3 milhões em recursos próprios, na construção da UPA”, acrescentou.

O deputado ainda destacou que atualmente o hospital já conta com uma UTI Cardiológica, a primeira do Vale do Rio Doce. Com 10 novos leitos, a unidade de tratamento intensivo é equipada com os aparelhos necessários para atender casos que necessitem de internação e cuidados avançados, como doenças cardiológicas mais graves, dentre elas, o infarto agudo do miocárdio, arritmias cardíacas, insuficiência cardíaca, acidente vascular cerebral (AVC), e outros.

 

Inauguração da UPA

É grande a expectativa para a inauguração da maior Unidade de Pronto Atendimento do País. A UPA terá capacidade para atender 400 pessoas/dia e foi construída através de um convênio com o Estado de Minas Gerais e a prefeitura municipal de Governador Valadares. O deputado Leonardo Quintão foi o responsável por trabalhar junto ao Governo do Estado a fim de conseguir o recurso de R$2 milhões para construção da unidade.

São 7 mil metros quadrados de construção para atender a população de Valadares e da região. A unidade contará com pronto-atendimento 24horas, 16 leitos para urgência e emergência, laboratório para realização de exames, salas de raio-x, além do corpo médico clínico.