Slide background
   

Ecocardiograma fetal poderá ser obrigatório em pré-natal de hospitais públicos  

Home / Notícias / Leonardo Quintão na Câmara / Ecocardiograma fetal poderá ser obrigatório em pré-natal de hospitais públicos  

Um projeto de lei em discussão na Câmara quer inserir o ecocardiograma fetal no rol de exames obrigatórios a serem realizados nas gestantes. A medida valerá para todos os hospitais e maternidades públicas.

Com a realização deste exame é possível diagnosticar cardiopatias congênitas, arritmias e muitos outros distúrbios do coração do bebê ainda durante a gravidez. Segundo deputado Leonardo Quintão, a Sociedade Brasileira de Cardiologia, inclusive, recomenda que esse exame seja realizado no pré-natal em todas as gestações.

“Se este é um procedimento comum às gestantes que têm plano de saúde, as gestantes que são atendidas pelo SUS também têm o direito. Além disso, a realização deste teste permite a identificação precoce de toda e qualquer anormalidade no coração, garantindo à criança a possibilidade de um tratamento mais eficaz”.

Ainda de acordo com os dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia as cardiopatias congênitas estão entre as malformações mais comuns nos bebês, e o prognóstico tardio contribui significativamente para a mortalidade infantil. Essas alterações ocorrem enquanto o feto está se desenvolvendo no útero e pode afetar 1 em cada 100 crianças.

No Brasil nascem todos os anos cerca de 23 mil crianças com problemas no coração. Dessas, em torno de 80%, necessitarão de alguma cirurgia cardíaca durante a sua evolução.

Posts Recomendados
Fale Conosco

Dúvidas ou informações? Envie uma mensagem aqui e responderemos o mais breve!