Slide background
   

Deputado Leonardo Quintão destina mais de R$21 milhões para a Saúde em Minas

Home / Notícias / Leonardo Quintão na Câmara / Deputado Leonardo Quintão destina mais de R$21 milhões para a Saúde em Minas

Além dos recursos para os principais hospitais do SUS, a população também foi beneficiada com a implantação das Academias da Saúde, construção de UBS e aquisição de novos veículos

Em atenção à saúde dos mineiros, o deputado federal Leonardo Quintão destinou várias emendas individuais para hospitais filantrópicos de Belo Horizonte. Hospitais da Baleia, Felício Rocho, Júlia Kubitschek, Evangélico e Pronto Socorro João XXIII foram alguns dos beneficiados.

A verba foi importante na aquisição de novos equipamentos, como tomógrafos, aparelhos de ultrassom diagnóstico, aparelho de radiografia digital, camas hospitalares, além de materiais hospitalares e medicamentos. Todos esses hospitais atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e recebem pacientes de cidades do interior que vêm para tratamento na capital.

Paciente em tratamento de câncer de mama no Hospital da Baleia, a aposentada Maria Pereira da Silva, 63 anos, garante que o investimento feito no hospital foi essencial para que recebesse um tratamento digno. Ela conta que veio do interior de Minas Gerais para realizar o tratamento em Belo Horizonte, pois sua cidade não dispõe de recursos para o tratamento do câncer. “Quando descobri que estava com câncer meu mundo desabou. Mas quando cheguei no Hospital da Baleia vi que existiam situações muito piores que a minha, e que o hospital tinha recursos e médicos capazes de me oferecer um bom tratamento”.

Depois de mais de 40 dias de internação, Maria recebeu alta. “Agora terei que retornar frequentemente para as sessões de radioterapia, mas sinto-me muito confiante. Tem uma equipe que me dá assistência, e até os remédios me foram oferecidos pelo hospital”, acrescentou.

Além dos hospitais, o deputado Leonardo Quintão também investiu recursos na construção e reformas de Unidades Básicas de Saúde (UBS), na instalação de Academias da Saúde e na compra de ambulâncias e outros veículos como as vans, que são utilizadas no transporte de pacientes que fazem tratamento fora de domicílio.

 

Saiba tudo que o Deputado Federal Leonardo Quintão fez pela Saúde

 

Clínica de Terapia Renal de Contagem

Vinte novas e modernas máquinas de hemodiálise já estão em funcionamento na Clínica de Terapia Renal de Contagem, instituição pertencente à Associação Evangélica Beneficente de Minas Gerais. As máquinas vêm atendendo os mais de 900 pacientes em tratamento de hemodiálise e diálise. O recurso de R$1,5 milhão também foi suficiente para a compra de um novo tomógrafo para o hospital Evangélico de Belo Horizonte.

 

Hospital Evangélico

O hospital Evangélico recebeu o recurso de R$ 1 milhão, que  foi utilizado na compra de um arco cirúrgico para a Central de Monitoração do CTI, um aparelho de anestesia, além de 16 monitores para controle de batimento cardíaco. Outros R$ 500 mil também foram incluídos no Orçamento Geral da União/2014.

 

Hospital da Baleia de Belo Horizonte

Fundação Benjamim Guimarães, conhecida como Hospital da Baleia, recebeu mais de R$900 mil para a compra de materiais hospitalares. O Hospital da Baleia é um hospital de ensino credenciado pelos Ministérios da Saúde e da Educação, além de ser referência em pelo menos cinco áreas (Nefrologia, Neurocirurgia, Oncologia, Ortopedia e, também, no tratamento de Fissuras Lábio-Palatais). Destaca-se pelo atendimento majoritário aos pacientes do SUS. Outros R$ 250 mil também foram incluídos no Orçamento Geral da União/2014.

 

Hospital Felício Rocho de Belo Horizonte

Conhecido por atender as demandas de alta complexidade do setor da saúde, o hospital Felício Rocho recebeu do deputado federal Leonardo Quintão o recurso de R$ 500 mil. A emenda já está paga e foi investida na compra de 25 equipamentos para monitoramento de pacientes.

Entidade filantrópica, o hospital Felício Rocho é um dos maiores e mais importantes hospitais gerais de Belo Horizonte, e atende milhares de pacientes assistidos pelo Sistema único de Saúde (SUS). O hospital também é referência em transplante cardíaco, e pioneiro no tratamento multidisciplinar da epilepsia.

Outros R$ 250 mil também foram incluídos no Orçamento Geral da União/2014.

 

Hospital Júlia Kubitscheck

O Hospital Júlia Kubitscheck, responsável por uma grande demanda de atendimentos nos setores de urgência e emergência, recebeu o recurso de R$ 270 mil investidos na compra de 7 aparelhos de fototerapia, dois cardioversores,  dois endoscópios flexíveis, um aparelho de raio-x móvel, além de um sistema para urodinâmica.

O hospital está localizado no bairro Barreiro em Belo Horizonte, segunda região mais movimentada da capital. Com cerca de 300 mil moradores, o Barreiro conta apenas com o hospital Júlia Kubitscheck para atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS), uma vez que o Hospital Regional do Barreiro, marcado para ser inaugurado pela Prefeitura Municipal desde o primeiro semestre de 2012, ainda não tem previsão para funcionamento.

 

Hospital de Pronto-Socorro João XXIII

O maior pronto-socorro de Minas Gerais, o João XXIII também recebeu o recurso de R$ 500 mil, que foram investidos na compra de novos equipamentos.  O hospital atua como centro de referência e excelência no atendimento a pacientes vítimas de politraumatismos, grandes queimaduras, intoxicações e situações clínicas e/ou cirúrgicas de risco de morte. Em média, 450 pessoas são atendidas diariamente neste hospital, sendo pacientes de Belo Horizonte, da região metropolitana e do interior do Estado.

 

Hospital Alberto Cavalcanti

Primeiro hospital público de Minas Gerais a se tornar referência no tratamento do câncer, o Alberto Cavalcanti também recebeu o investimento de R$ 400 mil, que foram utilizados na compra de novos equipamentos.

 

Hospital Eduardo de Menezes

O hospital Eduardo de Menezes também recebeu o recurso deR$ 400 mil utilizados na compra de novos equipamentos. A unidade é referenciada com o maior número de leitos para o tratamento de pacientes com Aids. Interna em média 26% de todos os pacientes aidéticos no Estado. São, em média, 100 internações mensais, além do serviço ambulatorial, que atende cerca de 500 pacientes por mês.

 

Hospital Madre Teresa de Belo Horizonte

Hospital responsável pelo maior número de cirurgias cardíacas pelo SUS em Minas Gerais, o hospital Madre Teresa recebeu R$ 2,2 milhõesque foraminvestidos na compra de aparelhos de ultrassom diagnóstico e radiografia digital para o Centro de Imagem. O recurso também foi suficiente para a compra de elevadores para transposição de leito, camas hospitalares para UTI’s, um microscópio cirúrgico, uma lavadora ultrassônica e uma lavadora termodesinfectora para o bloco cirúrgico. Outros R$ 500 mil também foram incluídos no Orçamento Geral da União/2014.

 

RECURSOS PARA O INTERIOR DO ESTADO

Hospital Samaritano de Governador Valadares

O Hospital Samaritano de Governador Valadares também foi beneficiado. Mais de R$ 5 milhões foram investidos na construção de novos leitos e em obras de reforma e adequação do hospital, além da construção da UTI Cardiológica.

Todos os equipamentos necessários para a instalação desses novos leitos da UTI, aquisição de instrumentais cirúrgicos, equipamentos para cirurgia cardíaca e medicamentos também foram adquiridos com este recurso.

 

UPA Samaritano – Governador Valadares

Mais de 4 milhões destinados à construção da Unidade Pronto Atendimento (UPA) do Hospital Samaritano, que terá atendimento 24horas e mais de 400 consultas por dia. As obras de construção da UPA já estão em fase final de acabamento, e a unidade será inaugurada ainda neste segundo semestre de 2014.

 

Hospital Municipal Monsenhor Flávio D´Amato – Sete Lagoas

Em Sete Lagoas, o único hospital público de urgência e emergência, com o sistema porta abertas pelo SUS, também recebeu recursos. O valor de mais de R$ 2,4 milhões será investido na compra de novos equipamentos que serão usados na ampliação dos serviços de internação, clínica e de cirurgia, além da abertura de novos leitos. Aproximadamente 5.500 atendimentos são realizados mensalmente neste hospital, sendo 500 internações a cada mês.

 

Hospital Municipal Raimundo Campos – Ouro Branco

Atendendo diariamente cerca de 230 pacientes na emergência, o hospital Raimundo Campos, de Ouro Branco, também foi beneficiado com o recurso de R$300 mil. O recurso será investido na compra de monitores multiparâmetros para salas de urgência e bloco cirúrgico, incubadora neonatal, ventilador pulmonar, além de desfibriladores externos automáticos e equipamentos para fototerapia neonatal.

Além do grande número de atendimentos na emergência, o HRC também atende muitos pacientes em internações e partos.

 

Hospital Municipal São Judas Tadeu – Ribeirão das Neves

O Hospital São Judas Tadeu de Ribeirão das Neves, único  com atendimento pelo SUS na cidade, também recebeu recurso. O valor de R$ 300 mil será investido na aquisição de novos aparelhos de ultrassonografia e sistema de vídeo laparoscopia e endoscopia.

O São Judas Tadeu é um hospital que presta assistência nas áreas de internação de média complexidade nas clínicas básicas e em urgência/emergência, clínica pediátrica, cirúrgica, obstétrica e trauma-ortopédico.

 

Pronto Socorro Municipal e Santa Casa de Misericórdia -Jacutinga

A Santa Casa de Misericórdia de Jacutinga recebeu o recurso de R$300 mil que serão investidos na compra de novos equipamentos e materiais hospitalares. Além da Santa Casa, o Pronto Socorro Municipal Dr.Américo Prado Pennacchi também foi beneficiado com emenda do deputado Leonardo Quintão. O recurso de R$120 mil será utilizado na compra de um aparelho de ultrassonografia, marcapasso cardíaco e cardioversor.

Além do município de Jacutinga, o pronto socorro atende os municípios de Albertina, Monte Sião, Ouro Fino, Bueno Brandão, Inconfidentes e demais cidades da regional de Pouso Alegre.

 

Hospital Nossa Senhora das Dores – Itabira

O Hospital Nossa Senhora das Dores, de Itabira, recebeu o recurso de R$126 mil para a compra de novos uniformes dos funcionários. Além deste recurso, o deputado Leonardo Quintão também se comprometeu a enviar uma verba para a compra de novos equipamentos necessários para a implantação do setor de oncologia do hospital. Mensalmente, mais de 20 mil pacientes são atendidos pelo SUS neste hospital que é referência em Itabira e mais 13 cidades da região.

 

Hospital Municipal Carlos Chagas – Itabira

O Hospital Municipal Carlos Chagas também foi beneficiado com o recurso de R$295 mil. O valor foi investido na compra de novos equipamentos hospitalares e computadores. Atualmente, cerca de 60% dos atendimentos deste hospital são feitos pelo SUS, o que corresponde a uma média de 8.500 pacientes atendidos somente no pronto atendimento.

 

Mateus Leme Centro de Especialidades

O Centro de Especialidades de Mateus Leme também foi contemplado com o recurso de R$ 300 mil que será utilizado na compra de novos equipamentos necessários para a implantação de novos serviços em cirurgia de alta frequência em ginecologia.

O Centro de Especialidades atende a demandas de dermatologia, cirurgia geral, neurologia, otorrino, mastologia, angiologia, urologia, ginecologia, dentre outros.

 

Santa Casa de Misericórdia de São Sebastião do Paraíso

Novas camas e monitores foram adquiridos com o recurso de R$ 300 mil. Todo esse material foi usado para equipar 10 novos leitos da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

 

Hospital Casa de Caridade e Maternidade de Carmo de Minas

O Hospital Casa de Caridade e Maternidade de Carmo de Minas recebeu o valor de R$ 250 mil que será investido na compra de novos equipamentos e materiais hospitalares.

 

Associação de Caridade de São João Nepomuceno

A Associação de Caridade de São João Nepomuceno, entidade filantrópica e com atendimento pelo SUS, recebeu o recurso de R$ 500 mil para serem investidos na compra de novos equipamentos e materiais hospitalares

 

Hospital Vital Brasil -Timóteo

O hospital Vital Brasil, com demanda pelo SUS, também foi beneficiado com o recurso de R$500 mil que serão investidos na compra de novos equipamentos e materiais hospitalares.

 

Parque de Material Aeronáutico de Lagoa Santa

O recurso de R$ 500 mil foi investido na compra de equipamentos médicos hospitalares para o ambulatório.

Posts Recentes
Fale Conosco

Dúvidas ou informações? Envie uma mensagem aqui e responderemos o mais breve!