Slide background
   

Cirurgias eletivas tem prazo prorrogado

Home / Notícias / Cirurgias eletivas tem prazo prorrogado

O Ministério da Saúde decidiu prorrogar o prazo da estratégia de ampliação aos Procedimentos Cirúrgicos Eletivos. A decisão sobre as cirurgias eletivas, publicada no Diário Oficial da União (DOU) do dia 8 de agosto, prorroga até dezembro de 2014 o prazo em procedimentos no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).

São cirurgias eletivas de média complexidade que podem ser agendadas com antecedência nos serviços de saúde, como catarata, tratamento de varizes e retirada de amígdalas. O objetivo é reduzir a fila de espera. Para isso, são considerados o perfil epidemiológico e a organização geral do sistema.

Os recursos necessários para as atividades serão transferidos aos estados, Distrito Federal e municípios de acordo com a performance de execução financeira.

Entenda melhor cada tipo de cirurgia:

Cirurgia Eletiva

Cirurgia Eletiva é aquela em que se consegue escolher a melhor data para se realizar o procedimento cirúrgico. Geralmente ela é realizada após diversos exames, que são feitos para obter as melhores condições de saúde de saúde do paciente.

Situação de Emergência

É considerada uma emergência quando o paciente corre risco de vida. Por isso, em algumas ambulâncias ainda há “emergência” escrita ao contrário e não “urgência”.

Situação de Urgência

É considerado um quadro de urgência quando o paciente apresenta um quadro grave e exige uma intervenção médica de imediato. Esta palavra vem do verbo “urgir” que tem sentido de “não aceita demora”.

Na medicina, ocorrências de caráter urgente necessitam de tratamento médico e muitas vezes de cirurgia, contudo, possuem um caráter menos imediatista que as situações de emergência (com risco de vida).

Posts Recomendados
Fale Conosco

Dúvidas ou informações? Envie uma mensagem aqui e responderemos o mais breve!