Slide background
   

Câmara aprova exigência de protocolo do SUS que facilita o diagnóstico do autismo

Home / Notícias / Leonardo Quintão na Câmara / Câmara aprova exigência de protocolo do SUS que facilita o diagnóstico do autismo

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou uma proposta que irá facilitar o diagnóstico e o tratamento de crianças com transtorno do espectro autista.  O projeto de lei, também aprovado no Senado, muda o Estatuto da Criança e do Adolescente e obriga o SUS, Sistema Único de Saúde, a adotar protocolo com padrões para a avaliação de riscos ao desenvolvimento psíquico das crianças.

Segundo o texto, os procedimentos de análise médica deverão ser aplicados nos primeiros 18 meses de vida da criança e serão realizados em consulta pediátrica de acompanhamento. A proposta segue para sanção presidencial e entrará em vigor 180 dias após sua publicação.

Para o deputado Leonardo Quintão foi muito importante essa sensibilidade do Congresso ao aprovar uma proposta que vai facilitar o diagnóstico e tratamento. “No Brasil há mais de 2 milhões de crianças, jovens e adolescentes com o espectro autista. A aplicação desse protocolo permitirá que os profissionais da saúde orientem os pais no primeiro momento da vida de uma criança com autismo”.

De acordo com dados do Ministério da Saúde são cerca de 150 mil casos novos de transtornos do espectro autista por ano e que ainda sofrem com dificuldades no diagnóstico. Ao todo são mais de mil doenças raras no mundo e poucas são protocoladas no Ministério.

 

 

 

Posts Recomendados
Fale Conosco

Dúvidas ou informações? Envie uma mensagem aqui e responderemos o mais breve!